Numéro 9

Légende ci-dessous
Numéro 9

Filosofia

01_Philosophies

O Numéro 9, um refrescante automóvel de luxo, sublinha o ADN dos modelos da linha DS. Adotando uma singular e creativa aproximação a um design único, destaca-se pela emoção que transmite, pelo seu refinamento e excecional acabamento.

O Numéro 9 traz uma nova experiência de condução e é totalmente usável no dia-a-dia.

O concept shooting brake assume uma postura assertiva e carismática.

Design

02_DesignCom os seus detalhes minuciosos, o Número 9 encarna o refinamento da linha DS na sua forma mais espetacular. Desenhado em Paris, a capital mundial da moda em toda a sua glória e universalidade, este concept abre um novo capítulo no universo do design DS. No estilo clássico DS, a carroçaria usa um tejadilho flutuante, sublinhado por uma assinatura com acabamento cromado com um discreto monograma DS e as janelas laterais misturam-se com a silhueta, até à traseira.

As cores e os materiais foram trabalhadas para terem um efeito misterioso e sofisticado. A pintura em preto, com traços de violeta, chamada “Whisper”, conjuga-se de forma perfeita com o detalhe cromado “Californian” e os seus tons quentes.

Tecnologia

03_TechnologiesO concept Numéro 9 combina uma série de tecnologias para alcançar elevados padrões de performance no conforto, segurança e proteção ambiental, ao mesmo tempo que oferece ainda mais prazer de condução. O slogan “créative technologie” está presente a bordo e ilustra de forma perfeita toda a experiência da marca Citroën. O Numéro 9 é alimentado por um conjunto híbrido, que combina um motor de combustão a gasolina ou a gasóleo, com um motor elétrico, colocado sobre o eixo posterior. O motor elétrico recorre à tecnologia de iões de lítio para desenvolver 70 cv e um binário de 200 Nm, sendo precisas apenas três horas e meia para carregar a bateria numa tomada doméstica.

Ambiente

04_EnvironnementComo automóvel plug-in hybrid, o Numéro 9 é amigo do ambiente. Isto é especialmente evidente na condução citadina, onde pode recorrer ao modo ZEV (Zero Emission Vehicle – Veículo com emissões zero), oferecendo uma autonomia de 50 quilómetros, mas também em estradas que exijam constantes acelerações e desacelerações, nas quais o sistema híbrido limita o consumo de combustível, pelo uso das duas fontes de energia. O motor de combustão interna sente-se particularmente à vontade nas autoestradas, com sua elevada performance a ser conseguida pelos seus impressionantes 299 cv a gastarem apenas 1,7 L/100 km e a emitirem não mais que 39 g/km.