Desporto

Légende ci-dessous
Desporto

provas de resistência

01_histoire_sport_epreuvesenduranceOs renomeados recordes de resistência alcançados pelos veículos Rosalie no anel de velocidade de Linas-Montlhéry foram organizados pelo fabricante de lubrificantes, Huiles Yacco. Foram oito veículos para a pista entre outubro de 1931 e julho de 1935, reclamando cerca de 358 recordes internacionais e 192 recordes mundiais.
Os veículos, convertidos em monolugares, era todos C6 ou 15cv, com um motor de seis cilindros, exceptuando um Petite Rosalie (8CV equipado com um bloco de quatro cilindros), um Rosalie VII (7CV Traction Avant), um Rosalie IX, e um 11CV Traction Avant Légère, que completou um prova de resistência com 100 000 quilómetros, entre março e maio de 1936.
Os dois outros veículos Citroën a ir para a pista foram: o Spéciale Citroën, equipado com um novo motor Diesel usado pelos veículos em 1937, pelo Barbot Spéciale, baseado no 2CV, em 1953.

RALis

02_histoire_sport_rallyes_captureA Citroën fez a sua estreia oficial em ralis com o DS, usando uma extraordinária suspensão hidropneumática de grande sucesso. O DS foi seguido pelo SM e, depois, pelo CX, que fez a sua própria história no Rali Paris-Dakar no final dos anos 70. Entre 1990 e 1997, a Citroën foi rainha nas provas de todo o terreno, ganhando cinco títulos de construtores com o ZX Rallye Raid.
À procura de novos desafios, a Citroën dedicou-se ao Campeonato Mundial de Ralis com o Xsara Kit-car e ganhou o seu primeiro título mundial nesta modalidade.
Em 2001, a Citroën, juntamente com Sébastien Loeb atingiu o topo. Em 2009, apesar de uma interrupção em 2006, a Citroën tinha cinco títulos mundiais.

WRC

03_histoire_sport_wrc_captureDepois de uma época a fazer testes no Campeonato Francês, fez a sua estreia no WRC em 2001. Perto do final da temporada, um jovem e promissor piloto fez a sua estreia no Rali de San Remo. Relaxado e completamente imperturbável, Sébastien Loeb chegou ao segundo lugar do pódio.

A história tinha começado e nada a poderia fazer parar. Parceiros insperáveis, a Citroën e Loeb/Elena subiram os degraus até ao topo. Em 2003, conseguiu a primeira das suas oito coroas mundiais. climbed the steps to the top. In 2003, Citroën claimed the first of its huit world crowns. No ano seguinte, Sébastien Loeb e Daniel Elena ganharam o primeiro de nove títulos consecutivos. Desde aí, o C4 WRC e o DS3 WRC substituíram o Xsara WRC com o mesmo sucesso.